Ignorar Comandos do Friso
Saltar para o conteúdo principal
   
Procura Avançada
Bibliotecas Itinerantes: quando os caminhos se fazem por mar...


Na sequência de um artigo da jornalista argentina Valeria Sorín, "La lectura aguas adentro" onde esta reflete sobre a necessidade de, neste século marcado pela circulação da informação, ainda se questionar a função de uma biblioteca ou de uma escola no meio rural e se procurar uma relação custo-benefício que justifique a sua sustentabilidade, e ainda por ocasião do Prémio "Colegio Arquitetos de Chile" este ano atraibuído à mentora da Bibliolancha Felipe Navegante (Chile), partilhamos três exemplos onde as bibliotecas, por via marítima, vão ao encontro das comunidades mais rurais e periféricas:

Bokbåten Epos (Noruega)

bokbatenNoruega.jpgO "Bokbåten", biblioteca itinerante flutuante dos fiordes noruegueses de Hordaland e de Møre og Romsdal já completou 50 anos. Em funcionamento d Outona à Primavera, durante o Verão, o seu interior é reformulado e rentabilizado como barco turístico.

 Originariamente criado com o objetivo de fazer chegar a leitura a pescadores e outros trabalhadores sazonais dos fiordes, atualmente abrange todos os residentes das inúmeras comunidades que se foram instalando permanentemente. 

Para além do espaço de biblioteca, preenchido com estantes repletas de livros, computadores portáteis e lugares para estar, o "Bokbåten" está equipado com camarotes e com uma zona de estar/jantar para a tripulação.

 

 

    Bokbåten Norrtälje (Suécia)

Na Suécia, servindo o Arquipélago de Estocolmo, existe um serviço de biblioteca itinerante num"Bokbåten" que percorre as diferentes ilhas do arquipélago.

 

Bibliolancha Felipe Navegante (Chile)

bibliolanchaChile.jpgmapa_chiloe_completo_prorur.gif

Este ano, o Prémio Chiloé de Extensão Cultural promovido pela Ordem dos Arquitetos do Chile, distinguiu Teolinda Higueras, dinamizadora da "Bibliolancha" Felipe Navegante, de Quemchi. O projeto da bibliolancha remonta aos anos 90 e tem um alto impacto no Arquipélago de Chiloé. A sua ambição agora é alargar a ação a mais regiões do Arquipélago.

 

 


10-2-2020 RD    
    
© 2007-2014 Direção-Geral do Livro, dos Arquivos e das Bibliotecas
Todos os Direitos Reservados
Última Actualização em: 02-07-2020