Ignorar Comandos do Friso
Saltar para o conteúdo principal
   
Procura Avançada
Tecnologias


Como forma de incentivar as bibliotecas públicas a assinalar algumas datas comemorativas e a desenvolver atividades com elas relacionadas, elaborámos o Calendário da Rede Nacional de Bibliotecas Públicas a que associámos, para além de uma seleção de dias comemorativos mais relevantes que poderão contribuir para potenciar o papel de formação e informação das bibliotecas municipais, temas mensais que representam áreas de atuação essenciais com propostas de atividades a dinamizar. 

No mês de outubro, a proposta "tecnologias" centra-se na crescente necessidade da sua utilização para aceder ao conhecimento, à informação e à comunicação. 

Incode1.jpg

E porque as bibliotecas, mais do que livros, são resposta a necessidades das comunidades, contribuindo para a inclusão e procurando não deixar ninguém para trás, numa sociedade onde a disponibilização de serviços e produtos online é cada vez maior (oferta de empregos, oportunidades de aprendizagem, comunicação com os serviços da Administração Central no exercício da cidadania, operações financeiras e bancárias, entre outras) e vão ficando vedados a quem não sabe, ou não pode, utilizar a rede digital. Assim, a crescente necessidade de utilização da tecnologia e da Internet no quotidiano, tendência acelerada pela pandemia que hoje vivemos, é proporcional aos custos sociais e económicos do aumento da exclusão digital.

A acrescer, a sua má utilização ou utilização fraudulenta, torna ainda mais frágil a população já de si mais vulnerável.

Como instituições abertas a todos, seguras e fidedignas, as bibliotecas podem e devem ser uma das principais chaves para garantir o acesso universal à informação, sendo no entanto fundamental que os governantes e decisores políticos lhes reconheçam esse potencial para alcançar todos os membros da comunidade, mesmo aqueles mais marginalizados ou isolados, uma vez que, para poderem assumir esse papel, é necessário assegurar o seu apetrechamento quer com equipamentos tecnológicos adequados e acesso a Internet gratuita e de qualidade, quer capacitando os recursos humanos com competências para promoverem e facilitarem o acesso da comunidade ao mundo digital.

A título de exemplo, referimos algumas iniciativas e projetos de bibliotecas públicas municipais que procuram promover a inclusão digital através da promoção de competências digitais na comunidade, implementados em diferentes formatos e suportes, em parceria com outras entidades ou promovidos apenas pela própria biblioteca:

alcobaçapeq.jpg"Tecnologia para Todos, ninguém fica para trás!", da Biblioteca Municipal de Alcobaça - no âmbito da Agenda 2030 e inserido no projeto "Eu construo".



Seiapeq2.jpg"Tecnologias para Viver Melhor", da Biblioteca Municipal de Seia - numa parceria com as bibliotecas escolares e com o CLDS 4G.



lrs1peq.jpg

"Estam@s on! – Recursos digitais ao alcance de todos", das Bibliotecas Municipais de Loures - apresentação de ferramentas e recursos digitais para a produção de conteúdos.




Oeiraspeq.jpg

"PressReader - Formação de Utilizadores", das Bibliotecas Municipais de Oeiras - no âmbito da disponibilização da plataforma para consulta de periódicos online. 


blx2peq.jpg

"Passaporte de Competências Digitais", das Bibliotecas Municipais de Lisboa - numa parceria com o Departamento de Desenvolvimento de Competências da CML.




Fazemos também referência a outros dois projetos que estão agora no seu início e que serão implementados por duas das Redes Intermunicipais de Bibliotecas criadas no âmbito das Comunidades Intermunicipais, e que contam com a comparticipação da DGLAB através do Programa PADES. Tal como os restantes, ambos têm como objetivo a promoção das literacias digitais e a capacitação das comunidades para a utilização eficaz das tecnologias: 

BIBLIOTICSREDEpeq.jpg

A implementar pela Rede Intermunicipal de Bibliotecas da Lezíria do Tejo, o  "BiblioTICs" que, numa primeira fase, irá capacitar os profissionais das bibliotecas que, numa fase posterior, replicarão os seus conhecimentos em ações para os seus utilizadores.



cia1peq.jpgA implementar pela Rede Intermunicipal de Bibliotecas Públicas do Médio Tejo, o "CIA: Cidadania Informada e Ativa" tem a ambição de conseguir promover ações de literacia em todas as freguesias da região, com o apoio de parceiros como os Centros Qualifica, Juntas de Freguesia e Associações, chegando desta forma às comunidades mais periféricas e isoladas.

Em comum, todos estes projetos foram desenvolvidos tendo em vista as comunidades que servem, promovendo as literacias digitais e o exercício da cidadania, tornando todos mais aptos a utilizar as tecnologias na resolução dos seus problemas quotidianos, desafios pessoais e profissionais, contribuindo assim para o desenvolvimento e inclusão social. 


#LeaveNoOneBehind #InclusãoDigital #LiteraciaDigital
#FormaçãodeUtilizadores #DA2I #Lib4Dev #CompetênciasDigitais


28-10-2020 | RD    
    
© 2007-2014 Direção-Geral do Livro, dos Arquivos e das Bibliotecas
Todos os Direitos Reservados
Última Actualização em: 26-11-2020