Ignorar Comandos do Friso
Saltar para o conteúdo principal
   
Procura Avançada
Louvor a Nuno Marçal, o bibliotecário que dá vida à Bibliomóvel de Proença-a-Nova


​O executivo da Câmara Municipal de Proença-a-Nova aprovou por unanimidade o voto de louvor proposto pela Vereadora Helena Mendonça a Nuno Marçal, pelo seu trabalho na dinamização da Bibliomóvel que há 15 anos percorre os locais mais isolados do concelho. 

“A Bibliomóvel tem ao longo destes anos, e neste 2021 que celebra 15 anos de atividade, sido um exemplo de como a ação da biblioteca pública interage diretamente com a população e se torna inclusiva, afetuosa, rompe a solidão e torna-se veículo de coesão e oportunidade, que tem no livro, na palavra e, sobretudo, na presença a sua maior expressão”, referiu João Lobo, presidente da Câmara Municipal de Proença-a-Nova.

“No decurso dos anos, a Bibliomóvel foi capacitada para ser um posto avançado de contacto com o Município, "e se este equipamento nos orgulha e tem somado notoriedade e prémios, é também porque existe um rosto: o nosso viajante bibliotecário Nuno Marçal. É sempre nas pessoas que reside a diferença, é para as pessoas que existimos e é esta a missão de um servidor público, caminho que o Nuno tem trilhado com identidade exemplar” (João Lobo). Este caminho, que foi coroado com o Prémio de Boas Práticas da DGLAB, esteve na base do voto de louvor a Nuno Marçal. 

O juri do Prémio Boas Práticas sublinhou o facto deste ser um projeto diferenciador, da comunidade e para a comunidade e que se destaca pelo serviço “fora de portas”, em zonas de baixa densidade populacional, com uma população envelhecida e pouco alfabetizada, disponibilizando outras valências (com uma forte componente social),  para além dos serviços tradicionais de biblioteca, o que contribui  para o impacto que têm junto das comunidades servidas. A Bibliomóvel de Proença-a-Nova, tem conseguido aliar os serviços tradicionais de empréstimo domiciliário e consulta de documentos, com o acesso à Internet, a utilização de ferramentas de videoconferência e de impressão de documentos, o pagamento de serviços e a articulação com outros serviços do Município, na área dos serviços online ao cidadão ou dos cuidados básicos de saúde. Destacou ainda, o júri, a sua continuidade, desde 2006, não deixando porém de se recriar e adaptar, seja incluindo novos serviços, seja identificando oportunidades para auxiliar as comunidades mais isoladas e com mais dificuldade em aceder à Informação.

Os 15 anos de trabalho desenvolvido pela Bibliomóvel – Biblioteca Itinerante de Proença-a-Nova vão ser transformados em livro, recuperando a recolha que tem sido realizada pelo bibliotecário no blog "O Papalagui", blog onde o próprio tem vindo a divulgar as andanças da Bibliomóvel por estradas, terras e gentes de Proença-a-Nova.

Em época de pandemia, a Bibliomóvel encontra-se na linha da frente da rede de solidariedade, continuando a percorrer, com o colaborador António Sequeira, as aldeias do concelho – em conjunto com a Unidade Móvel de Saúde – para dar apoio à população, principalmente a enquadrada no chamado grupo de risco (idosos e doentes crónicos) e colaborar na entrega domiciliária de livros que a Biblioteca Municipal tem em curso numa altura em que se encontra fechada ao público por força do Estado de Emergência.

nm1.jfif

Fontes:

 
14-02-2021 | RD      
    
© 2007-2014 Direção-Geral do Livro, dos Arquivos e das Bibliotecas
Todos os Direitos Reservados
Última Actualização em: 06-12-2021